Guerra em Gaza – trágico final em números

Hoje no jornal Folha de São Paulo saiu alguns números sobre a guerra em Gaza:

18 meses de bloqueia territorial que racionou a entrada de alimentos, remédios, combustível entre outros produtos vitais.

Com o cessar-fogo, após 22 dias de bombadeios, afirma-se que:

1,5 mil fábricas, lojas, oficinas e outras instalações foram destruídas;;

16 ministérios destruídos;

20 mesquitas destruídas;

31 quartéis destuídos;

25 escolas e hospitais destruídos;

4,1 mil casas destruídas;

17 mil casas danificadas;

1.300 palestinos mortos, maioria civil,  incluindo 410 crianças e 108 mulheres;

5,3 mil feridos;

50 mil desabrigados;

1,4 bilhões de dolares é o prejuízo total, foraas vidas incalculáveis;

13 israelenses mortos!

Serão estes os objetivos de Israel ao fazer esta guerra? Eles começaram, veja aqui, e que agora  terminaram unilareralmente. esta cada vez mais clara que Israel faz o que quiser com este povo e este território. A desproporção e assimetria é latente e o pior é que a comunidade internacional aceita todos os rompantes despóticos deste estado. Será isso adequado para o equilibrio político global?

Esse tipo de ação tem por objetivo destruir qualquer capacidade dos palestinos de se desenvolveram seja como nação ou como estado. Trata-se de cortar as pernas daquele que busca se levantar. É esse tipo de ação que se deseja fazer, mantendo um povo submisso e com o tempo conseguindo tomar todo o seu território. Até quando isso ocorrerá?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: