Ética de O Globo: falta responsabilidade

Post do Nassif, sempre atento, mostra um detalhe relevante sobre o modo de atuação de um dos grandes jornais do País, sobre o modo como este jornal trata os outros com vistas a benefícios próprios.

Trata-se de uma total falta de responsabilidade. Falta transparência e boa vontade para elaborar as matérias e isso ocorre mesmo sabendo do impacto que se tem as publicações de um jornal. Quando não se quer levar as questões da sociedade, sejam elas pequens ou grandes,  com seriedade acabamosvendo isso.

E o povo como fica? Com informações erradas e mal-intencionadas nãoé possível fazer julgamento sério, apenas alimentar desconfianças. É justamente isso que ocorre hoje neste relação entre partes da população e imprensa. Os blogs terminam sendo refúgio e grande oportunidade de democratizar e melhorar o papel da grande imprensa.

Mas quantos tem acess a blogs? A internet?

Confira o que O Globo fez com o factóide da Petrobras.

Hoje, na seção de Cartas, publica a seguinte carta da Petrobras.

Regime tributário

Sobre a matéria “Garras menos afiadas” (17/6), a Petrobras reitera que a opção pelo regime tributário de caixa está amparada pelo artigo 30 da Medida Provisória nº 2.158-35/2001.

Trata-se de procedimento legal, feito por outras empresas, como cita o próprio GLOBO.

O texto da MP deixa claro que cabe a qualquer empresa brasileira escolher, a seu critério, a forma de tributação do Imposto de Renda (IRPJ) e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSSL) sobre as variações cambiais. A MP não define o momento para a mudança de regime, o que é coerente com seu objetivo, de amenizar o impacto tributário decorrente da variação da moeda nacional em situações de crises internacionais e, por consequência, na apuração e no pagamento de tributos federais.

LUCIO MENA PIMENTEL – gerente de Imprensa da Petrobras

Consultando-se o Blog da Petrobras, percebe-se que O Globo – que tem tradição de desrespeitar os leitores que escrevem para sua seção de cartas (conforme já experimentei na pele) – suprimiu o seguinte trecho da carta:

Trata-se de um procedimento legal, feito por outras empresas, como cita o próprio Globo e conforme informou hoje um grande jornal de São Paulo, em matéria sobre o mesmo assunto.

O grande jornal, em questão, é o Estado de São Paulo Em sua edição de ontem publicou uma matéria sobre as compensações tributárias, onde diz (clique aqui):

As chamadas compensações tributárias feitas por empresas até abril também influenciaram e somaram R$ 4,2 bilhões. As compensações são manobras contábeis para reduzir legalmente o pagamento de certos tributos. Embora a Receita não revele nomes, a Petrobrás foi responsável pela maior parte dessa perda com a mudança de regime tributário que adotou no fim de 2008, fato que acabou provocando a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI).

Ou seja, a matéria do Estadão comprova claramente que a denúncia de O Globo era furada, ao tratar como escândalo uma operação fiscal. Aí, quando se vai à página 2 de O Globo, o que se lê explica a supressão do trecho:

As melhores de maio

A manobra contábil da Petrobras, que permitiu à empresa deixar de recolher R$ 4,38 bilhões aos cofres da União entre dezembro de 2008 e março deste ano, foi eleita ontem pelos editores como a melhor reportagem do mês passado. A matéria, escrita pelas repórteres REGINA ALVAREZ e MARTHA BECK, da sucursal de Brasília, teve enorme repercussão nos dias seguintes e acabou tornando irreversível a CPI da Petrobras.

Embora ainda não esteja funcionando, a CPI foi instalada poucos dias depois da denúncia de Regina e Martha.

Ou seja, publicam uma notícia falsa (a de que a manobra fiscal da Petrobras era ilegal) e comemoram o fato de que a falsificação gerou uma CPI.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: