O caso Mineiro das ligações entre imprensa e governo

Apartir do Blog Anais Político pode ver um vídeo que me levou a conhecer um caso que vem se arrastando desde de 2006 no internet, que as vezes trabalha em ondas de repercussão. Creio que esta seja a 3ª onda dos vídeos. Pois bem os casos mostram as ligações e pressões do governo de Minas sobre  editores e jornalista da mídia local. Indiretamente há uma sugestão de que profissionais são demitidos pelos chefes como resultado das pressões, os profissionais negam isso, mas deixam claro como são as relaçõe sentre governo e imprensa.

Ligações similares são também sugeridas na internet em relação ao governo de São Paulo e Rio Grande do Sul, todos do PSDB. O mais negativo disto tudo é que ligações são negadas com base no argumento da imparcialidade e isenção que haveria nas empresas de mídia. O que é muito fraco.

O Primeiro vídeo é um documentário de fim de curso que foi feito iniciado em novembro de 2004 e finalisado, lançado, em junho de 2006, vespera das eleições para o Governo de Estado.  O nome do vídeo chamasse “Liberdade, essa palavra” e foi feito por Marcelo Baêta.

Vejam a parte Dois ….. e Final.

O vídeo caiu como uma bomba na eleição e foi utilizado pela oposição a Aécio. Gerou então uma reação do governo que foi feita por vídeo.

Veja vídeo um ….. e dois.

Outro vídeo foi feito entre 2007 e 2008, quando foi lançado no site Current. O autor (Daniel Florêncio) também não possui ligações partidária e utilizou basicamente o vídeo anterior para fazer o seu, claro que acrescenta algumas coisas novas. Este segundo teve uma maior repercussão fora de Minas que o primeiro e despertou o interesse por este.

Veja o vídeo com tradução.

Este vídeo foi a gota d’água, gerando maior rebate por parte do Governo de Minas, principalmente por ter dado a entender que as demissões de jornalistas foi feitas a manda de Aécio. O PSDB, fez dois vídeos para tentar rebater as acusações.

Veja vídeo um … e vídeo dois.

O governo acusou os autores de ligação partidária, o que não foi provado, mas sim negado pelos autores. Entretanto, os vídeos foram utilizados pela oposição, assim como as notícias de jornais também são utilizadas nas disputas. Veja um debate entre Daniel e o Governo, agora é sem vídeo, só por escrito.

Mídia & Governo: Angu-de-caroço em Minas Gerais

Mídia & Governo 2: Uma câmera na mão, irresponsabilidade na cabeça

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: